Tempo de Novidade – Cantares de Salomão

“Aparecem as flores na terra, o tempo do canto dos pássaros vem, e a voz da rola ouve-se em nossa terra;”

(Cânticos dos canticos 2.12)

Imagem

Passou o inverno.

O inverno em Israel é um período rigoroso, de intensas chuvas e muito frio. A foto que segue abaixo foi tirada em Jerusalém no ano em que estamos, 2013, segundo um blogueiro que vive nesta cidade registrou em fotos para demonstrar o quanto o último inverno foi intenso, as horas de chuvas encheram as ruas e em seguida a tempestade de neve deu essa roupagem gélida.

Este livro é um poema, uma canção de amor entre Salomão e Sulamita e possui todo um significado alegórico do amor de Deus por Israel. Não apenas a Israel mas demonstra a relação de amor numa dimensão espiritual , tão íntima quanto entre dois amantes, que todos nós podemos estabelecer com o Criador.

Mas, neste trecho em específico, Salomão está apontando para algo que ocorre na Natureza que não ocorre por acaso:

“Porque eis que passou o inverno, a chuva cessou, e se foi;

Era a chegada da Primavera anunciando que um tempo de esterilidade, de sono, de espera, de frio, de desconforto, de noites mais longas que dias, estas coisas teriam de dar lugar a um novo tempo.

Assim na nossa vida o inverno é necessário, há tempos em que necessitamos do recolhimento, que as portas se fecham, que nossa criatividade parece estar bloqueada, que parecemos estar sonolentos. Parece que a vida ficou com menos cor, o céu fica mais tempo cinza, as circunstâncias do ambiente ao nosso redor, seja instabilidade financeira, seja a saudade, seja alguma dor que nos trouxe alguma paralisia, instabilidade na saúde do corpo, crise existencial, perdas, traições, enfim. São as adversidades da vida que sobrevêm a todos assim como os invernos, é o tempo de parar, refletir e esperar passar o frio.

Não sei na vida de quem possa estar lendo mas este ano o inverno na minha vida este ano foi forte, lágrimas, espera, prostração, no espiritual eu estava como as avenidas de Jerusalém. Chorei muito, não tenho o menor receio em admitir. Chorar faz parte da vida. Tive meus dias de impotência como aqueles dias em que a chuva cai grossa e não podemos fazer nada além de olhar ela cair parados debaixo de uma qualquer lugar coberto.

Mas agora, sorrindo e cantando assim que acordo, percebo nitidamente que aquelas águas estavam a preparar a terra do meu coração.

Em Israel, durante três  meses chove o suficiente para que durante o ano inteiro haja vida e não falte água.

Deus nos ama e ele sabe que precisamos deste tempo em nossa vida, é um preparo. Aprendizado.

O anúncio de Salomão aqui é que acabou. Os períodos difíceis terminam em algum momento.

Estava chegando o tempo das flores. As flores são responsáveis pela reprodução (sexuada) das plantas. Elas não apenas enfeitam e perfumam a terra como por causa delas as espécies irão se perpetuar.

As aves macho, como apontou Salomão, começam a cantar porque a mudança da estação, com o aumento das horas de luz, induzem que a hipófise libere um hormônio que desencadeia a necessidade do acasalamento e então começam a cantar para atrair as companheiras.

passaros-lindos-

É um tempo de novidade, tempo de prazer, das nossas idéias ganharem mais expressão e ficarem mais claras, de vida nova, de recomeçar.

Tudo de Deus é perfeito.

Salomão estava dizendo à sua amada, sua noiva, que tudo propiciava a união, o prazer, o amor, o encontro dos dois estava ganhando uma vitalidade assim como a terra e era tempo de ficarem juntos e se namorarem. Tempo de amor. Este tempo um dia também chega na vida de todos.

No nível espiritual é o tempo de se achegar a Deus e experimentar o gozo e alegria de estar perto dele. Tempo de sentir sua Presença e ser mais iluminado por ela. Este tempo de receber mais luz, mais conhecimento, mais revelação, irá produzir novidade de vida.

Tempo de passar o silêncio de Deus (entendedores entenderão), tempo dos frutos e dO Fruto, tempo da terra estar toda mais carregada de alegria, de beleza, da vida ganhar todo um sentido, inclusive a vida espiritual. Talentos surgem. Respostas de oração. Propósitos ganhando forma. Início, sinais de promessas se cumprindo.

O novo de Deus chega cedo ou tarde!

Curioso que a Páscoa aconteça exato neste período e que Jesus tenha sido tentado no deserto durante o período do inverno. Se passamos provações, Cristo igualmente passou, mais do que ninguém. Foi traído, apanhou, humilhado, feito um espetáculo em plena Páscoa, foi um Cordeiro que teria que morrer para tirar os pecados do mundo, mas reviveu. Chegou o novo não apenas para ele que recebeu TODO o poder no Céu e na Terra, cessou o sofrimento dele também nossa condenação, e Cristo venceu a morte. E nós, por isso, recebemos algo novo, O Espírito, A Huach HaKodesh, agora a humanidade tem acesso direto ao Criador novamente, está unida a Ele novamente. O caso de amor entre Criador e criatura ganha nova dimensão, ali, Cristo nos aproxima de novo a Ele, o véu se rasga. O véu que separava se rasga de alto a baixo.

Tempo de cantar! Creia, há o tempo de cantar e ele chegou!

Se você tem fé, independente de sua religião, receba isso como algo profético em tua vida!

DSC_5495

Porque eis que passou o inverno; a chuva cessou, e se foi
Cânticos 2:11

Porque eis que passou o inverno; a chuva cessou, e se foi
Cânticos 2:11
Porque eis que passou o inverno; a chuva cessou, e se foi;
Aparecem as flores na terra, o tempo de cantar chega, e a voz da rola ouve-se em nossa terra.
A figueira já deu os seus figos verdes, e as vides em flor exalam o seu aroma; levanta-te, meu amor, formosa minha, e vem.
Pomba minha, que andas pelas fendas das penhas, no oculto das ladeiras, mostra-me a tua face, faze-me ouvir a tua voz, porque a tua voz é doce, e a tua face graciosa.Cânticos 2:11-14
Porque eis que passou o inverno; a chuva cessou, e se foi;
Aparecem as flores na terra, o tempo de cantar chega, e a voz da rola ouve-se em nossa terra.
A figueira já deu os seus figos verdes, e as vides em flor exalam o seu aroma; levanta-te, meu amor, formosa minha, e vem.
Pomba minha, que andas pelas fendas das penhas, no oculto das ladeiras, mostra-me a tua face, faze-me ouvir a tua voz, porque a tua voz é doce, e a tua face graciosa.Cânticos 2:11-14

About rikaferreira

Carioca, 34 anos, blogueira, chocólatra, amo café, adoro comida simples, tentando ser o mais kosher ou vegana possível. Amo animais e natureza. Cristã. Filosofia é um prazer, assim como qualquer leitura. Sou crítica, sou curiosa. Não tenho time. Não curto rótulos. Não sigo partido político. Centro-direita, as vezes centro-esquerda. Gosto muito de conhecer histórias de vida e admirar talentos. Amo música, prefiro Clássica, Bossa Nova, Jazz, Blues, Choro, Flamenco. E não sou rica, só rica de alegria, de experiências e da Graça de Deus.
Image | This entry was posted in Cristianismo, , Fotos / Reflexões, Posts da Rika and tagged , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s